Composto de Coberturas Conveybelts

Chama

A segurança frente ao fogo é uma questão tão importante que existem diferentes classificações e normas internacionais para as quais se empregam diferentes ensaios para medir o desempenho.
A base da maioria desses ensaios requer a exposição de uma amostra de correia ao fogo até que se queime. Quando isto acontece, o queimador (a chama) é retirado e registra-se o tempo de combustão (duração da chama) da peça empregada para o ensaio (amostra). A seguir, aplica-se uma corrente de ar à amostra durante um tempo determinado após a extinção da chama. A chama não deverá voltar a acender. A duração combinada da queima continuada (a chama visível) deverá ser inferior a 45 segundos para cada grupo de seis ensaios, sem que nenhum valor individual supere os 15 segundos. A importância deste fator é crítica, porque determina a distância à que a correia em movimento poderá deslocar o fogo.

TESTE DE CHAMA

TESTE DE CHAMA

Existe a possibilidade de uma correia, acesa por uma fonte de ignição, espalhar o fogo para outras áreas (geralmente referido como propagação do fogo). Este risco só pode ser avaliado por um teste de inflamabilidade.

FLAME-10

Projetada para sistemas de mineração subterrâneos e de superfície (exceto carvão), atendendo às aplicações das normas ASTM D378 e ISO 340. Apresenta boa resistência à abrasão (120 mm³).

FLAME-20

(Em desenvolvimento)

Cobertura desenvolvida para sistemas de superfície e subterrâneos (exceto carvão). Suporta materiais com temperaturas de até 100 °C. Atende às normas ASTM D378 e ISO 340.

Solicite seu Orçamento

Preencha o formulário agora
Baixe nosso catálogo

Baixe nosso catálogo

Vestibulum quis vehicula lacus. Curabitur tincidunt molestie erat, vitae scelerisque sem suscipit ut. Donec eu lorem euismod, consectetur velit sed, malesuada arcu.

Baixe nosso catálogo